Picdeer logo Browse Instagram content with Picdeer

#escritoranegra

Posts tagged as #escritoranegra on Instagram

461 Posts

Como enfrentar o racismo no ambiente escolar? Esse é um dos temas do livro #odesafiodeeducar2 de minha coautoria que irá auxiliar pais, educadores e demais interessados.  Lançamento em breve. (11)970712833  #racismonainfancia #dicadeleitura #lancamentodelivro #odesafiodeeducar2 #coautoria #livro #escrita #psicologiaeracismo  #escritoranegra #editoraconquista #br #sp #rj  Imagem do livro #omundodeblackpowerdetayo
Ana Fátima Cruz dos Santos é educadora, pesquisadora, contista, poeta, mãe, filha de Ilê Axé Iboro Odé e consultora de beleza. Graduada em letras vernáculas, especialista em docência do ensino superior com ênfase em ensino a distancia, mestra em critica cultural. Publicou nas antologias: Cadernos Negros, Prêmio  São Francisco Xavier, Mulher Poesia. Seu livro individual é As tranças de minha mãe, tem a resenha deste livro no blog . 📚Trecho de livro📖 . . #umaleitoranegra  #literaturabaiana #escritoranegra #literatura #escritora #anafátima  #astrançasdeminhamãe #trechodelivro #mulherpoesia #antologiapoética
Estes autores fazem pulsar a vida em várias batidas, costumam as histórias de todo um povo, fazendo ponte entre o continente africano e a Sussuarana, entre e a diáspora, entre os que estão aqui e os ancestrais. Refazem a trajetória unindo duas histórias de um mesmo povo, o ontem e o hoje, através das palavras, através das histórias, através de cada poesia que modifica e amplifica o nosso mundo . Ser diferencial na quebrada é rejeitar o destino construído pela elite racista deste país e a família Sarau da Onça rejeita diariamente os rótulos construídos para o povo preto e constrói identidade a partir da ancestralidade. Talvez esta seja a missão do Sarau da Onça: reconstruir os caminhos e refazer a história da juventude negra das periferias (Alaide Santana – Orelha do livro) . . . A partir do interesse de um grupo de amigos no bairro de Sussuarana que tomou como referência o Sarau Bem Black e o Sarau da Cooperifa, o Sarau da Onça (filho da nossa terra) foi criado a fim de sensibilizar as pessoas da comunidade para com os problemas que esta possui. “A arma utilizada são as palavras da boca dos poetas e poetizas das baixadas e vielas do bairro." . O grupo tem feito apresentações no bairro aonde vem arrastando vários participantes, é um evento aberto para qualquer pessoa, independente de raça, religião ou segmentação política, se mostra aberto para os convidados também participarem através de discussões ou até mesmo levando suas poesias (Blog Sarau da Onça) . 📚Resenha✏️ . 🌻Link na bio🌻 . . . #umaleitoranegra #literaturanegra #literaturabaiana #escritoranegra #escritornegro #literatura #escritora #escritor #escritoresbaianos  #literaturaperiferica #literaturamarginal #resenha #odiferencialdafavela #poesiasecontosdequebrada #sussuarana #saraudaonça
"OS IGNORANTES SÃO MAIS FELIZES  A felicidade está na ignorância? Creio que o conhecimento Simplifique tudo E na simplicidade A felicidade existe Sem pensamentos autodestrutivos (Ou temores infantis) O desconhecido inspira medo Mas o conhecimento afasta Não entendo o medo que certas Palavras causam Atormentam a alguns Por exemplo, Ouvir qualquer menção Ao demônio Tanta crença em Deus E descrença em si É muito fácil ceder As tentações terrenas Isso é mais real Do que diabólico Aquelas imagens servem Para criar um tipo de monstro Mas a monstruosidade Está nas ações e comportamentos"  Texto e Foto da Thais de Paula - Bernarda Coletiva  #mulheresqueescrevem #leiamulheres #escritoranegra #gothpoem #gothlife #zine #poema #gotico #escritorxs #literaturabrasileira #bernardacoletiva #govegan #ghoul #georgeromero #literaturamarginal #instapoema #instatrechos #literaturafantastica #zenit #fotoanalogica #cameraanalogica #livros #gothicliterature #gothicfantasy #animal
Me questiono,  Como?  Como curar um coração?  Como acabar com a solidão?  Como esquecer uma paixão?  Como apagar o passado?  Como não ser ignorado?  Como ser sempre amado? . . .  #empatia #emponderamento  #somosiguais #black #soccer #football #usp #negra #pensamento#empatia  #reflexão #poemas #poesias #terapia #dentrodemim #dosesdeanimo #love #dream #amoescrever #motivação #foco #força  #jesuscristo #frasesinspiradoras  #prosa #versos  #world #quotes #instaquotes #emponderar #escritoranegra
Vocês acham que essa #abl quer @conceicaoevaristooficial ? Não. Eles querem negar e negar a participação negra na literatura. Quem sabe negando, menosprezando e matando um dia não eliminam a gente. Quem sabe... Vai ter texto no blog. Link na bio.  #ablracista #negros #preta #pretas #racistas #letras #brasil #escritoranegra #livros #conceiçãoevaristo
Livros recebidos da Editora Dublinense, As alegrias da maternidade (1979) e Cidadã de segunda classe (1974) da escritora nigeriana Buchi Emecheta 💛💛 . As alegras da maternidade foi lançado há um ano pela Dublinense em edição exclusiva da @taglivros TAG - Experiências Literárias, recomendado por Chimamanda Ngozi Adichie “Eu amo esse livro por sua vivaz inteligência e por um certo tipo de compreensão honesta, viva e intima da classe trabalhadora na Nigéria colonial”, este mês chegou em uma nova edição nas livrarias. Já o livro Cidadã de segunda classe foi lançado originalmente na Inglaterra em 1974 e também chegou às livrarias este mês, o escritor John Updike diz que “A prosa Emecheta tem o brilho da originalidade, da língua sendo reinventada...Questões de sobrevivência estão no amago de seu trabalho e dão peso às suas histórias” . Buchi Emecheta é autora de mais de 20 obras, entre eles os livros citados acima, seu trabalho aborda temas como escravidão, independência feminina, maternidade e liberdade, é reconhecida pela crítica mundial, em especial na Inglaterra, onde morou por mais de 50 anos até sua morte em janeiro de 2017 . Buchi Emecheta está sendo a terceira escritora africana que leio, já li obras de Chimamanda e de Nelson Mandela, todos com resenha no blog . Crédito pra mainha que me ajudou a tirar a foto, deu dicas, arrumou as folhas e ainda disse que eu deveria fazer um curso rápido de fotografia rsrsrs . 📚Livros recebidos 🌻 . . #umaleitoranegra #instaliterário #igliterário #literaturanegra #literaturaafricana #escritoranegra #asalegriasdamaternidade #cidadadesegundaclasse #buchiemecheta #dublinense
Esta antologia, em especial, denota muitas outras coletividades. É produto de um concurso literário, que contou com a participação de críticos e escritores na comissão de seleção, e contemplou poemas inéditos e afinados com a atuação do coletivo que o idealizou: o Projeto Enegrescência, voltado à divulgação das literaturas afro-brasileira e africanas, por meio da organização de saraus e autores. Com o sarau, o Enegrescência se soma a muitos outros espalhados nas periferias do país e consolida o modelo de recital regular como linguagem política de militantes das palavras, do direito à cultura e de artistas em busca de um lugar no mercado, além de ser utilizado por movimentos sociais de diferentes agendas por seu poder de mobilização. E com o acervo digital, o Enegrescência assume a importante tarefa de demonstrar que, mais do que uma tradição oral, as populações afrodescendentes produziram acúmulos e diversidades estéticas também na tradição escrita/literária, que só carecem de mais ações de preservação e circulação (Tornar-se negro e essencial na literatura: o percurso de uma antologia - Érica Peçanha) . 📚Resenha✏ .️ 🌻Link na bio🌻 . . . #umaleitoranegra #instaliterário #igliterário #literaturanegra #escritoranegra #escritornegro #coletâniapoética #poemasafrobrasileiros #poesianegra #literatura #resenha #enegrescência
Le llamé Sophia  Desde que ella apareció: La piel me queda pequeña, no puedo respirar, me asfixio, las hormigas caminan debajo de mi piel, los pies y las manos arden, ¡estoy en llamas! ¿Cuántas veces me volví loca?  Agujas,  desmayos,  sueros,  llanto,  depresión, FOBIA.  La tormenta devora mi corazón, La lluvia llena mis pulmones, Mi estómago se vuelve mi peor enemigo, Anorexia/bulimia=obesidad. ¿Dónde estás consciencia? ¿Cómo es que ahora las gotas adormecen mi juicio? Ya no quiero caramelos, quiero drogas fuertes. ¡Mátenme!  Existir es doloroso, incómodo,  Ya no soy diosa, soy una burla cruel de mí, Soy la mofa de un ente del pasado. Sufrimiento. ¿Qué soy? No me maten, consciencia gracias por volver, Me pierdo si no te quedas clavada en mis costillas... Introspección: odio, paz, aceptación. Encuentro al fin el camino,  la pesadilla tiene nombre de mujer,  se llama Sophia,  es la sabiduría que me enseña a vivir con nueva sensibilidad. "Te acepto, Sophia pero no te honro... Ojalá nunca te hubiera conocido" -Gretell de Gala Agosto 2017  Fotografía por @ernestojtorres  #oaxaca #puertoescondido #mexico #escritora #azul #laguna #labarra #cajadeluzarte #ernesjtorres #mujer #ansiedad #paz #sabiduria #poema #poeta #poesia #escritoranegra #afro
E o nosso dia terminou com essa visita ilustre no nosso stand, uma pessoa sensacional, simples e que fez questão de conhecer o trabalho de cada um. @conceicaoevaristooficial obrigada pelo carinho. #representatividadeimporta #escritoranegra #conceicaoevaristo #exemplo
Quanto amor heim ❤❤❤ Encontrei no seu olhar o brilho que me ilumina Na sua voz uma doce melodia No seu coração  as batidas da minha vida Me encontrei dentro de você  E lá  quero ficar até o fim dos  meus dias . #amor #somosiguais #soccer #resiliencia #pensamentododia  #reflexão #poemas #poesias #terapia #dentrodemim #love #dream #amoescrever #fé #jesuscristo #frasesinspiradoras #versos #rioclaro #cidadelider #world #quotes #professor #insonia #felicidade #almapreta #livros #negro #cultura #black #escritoranegra
*Sou Negra! Eu sou!* - Não sou moreninha, da cor  do pecado. Não me rebaixo alisando meus cachos, não me moldo ao seu padrão esbranquiçado. Sou Negra! Eu sou! Carrego comigo a cor de uma nação! E não sou descendente de escravos. Em minhas veias  corre o sangue  de  reis e rainhas escravizados. Sou Negra! Eu sou! Forjada da luta de meus ancestrais que travaram batalhas libertando os iguais. Sou  a própria resistência em tempos de dor. Sou Negra! Eu sou! Mas nem só de luta vive a minha cor! Sou o som que vem  dos  terreiros nagô. Sou o vento que faz as folhas bailarem  no ar. Sou a menina dos olhos de Oiá. Sou pérola negra, beleza mais que rara. Sou força. Sou vida. Sou a voz que não se cala. Encantos mil tem a minha raça! Sou Negra! Eu sou! (Gerlane Melo) . . . #sentimentalismomarginal #poesiamarginal #escritoranegra  #poesianegra  #poesias #poemas #consciêncianegra #novembronegro #feminismonegro  #resistência #liberdade #blackpower
“MESQUINHO E HUMILDE LIVRO É ESTE QUE VOS APRESENTO, LEITOR. SEI QUE PASSARÁ ENTRE O INDIFERENTISMO GLACIAL DE UNS E O RISO MOFADOR DE OUTROS, E AINDA ASSIM O DOU A LUME.” ⬇️ ÚRSULA – MARIA FIRMINA DOS REIS  Maria ⤵️ Firmina dos Reis, mulher negra, maranhense, professora, considerada a primeira romancista abolicionista brasileira.  É com o mote do início deste texto que a autora, Maria, inicia seu livro Úrsula. Com uma linguagem poética, mostra o amor ingênuo e avassalador entre Úrsula e Tancredo. O livro teve sua publicação em 1860. ▶️ Mas para além do amor entre homem e mulher, podemos ver a denúncia do que sofreram as pessoas que foram traficadas para o Brasil e escravizadas, lemos nas palavras de Susana, como ela teve tudo roubado inclusive sua liberdade, como foi o horror vivido no porão do navio em que foi “armazenada” como se fora uma simples carga inanimada, junto com outros irmãos seus e alguns nem sobreviveram para contar de seu sofrimento, além dos castigos e sobrecarga de trabalhos à que eram submetidos. Neste romance também vemos o retrato da condição da mulher nessa época, não tinham voz e nem mesmo permissão para ter os próprios sentimentos. 🔆 Ao terminar o livro pode parecer que a denúncia da escravidão foi um tema apenas pincelado em meio ao drama de um amor que não vivido em sua totalidade por conta do autoritarismo de um homem que achava que seu sentimento de dominação era também amor. Mas se pensarmos na história dessa mulher, Maria Firmina dos Reis maranhense, professora, MULHER NEGRA e bastarda, escrevendo numa época em que as mulheres não eram nem notadas, enxergo a ousadia dela em denunciar tal situação, visto que a Lei Aurea foi assinada apenas em 1888. Uma pena que ela não ficou tão conhecida quanto Castro Alves, do qual aliás foi antecessora em sua publicação, e outros contemporâneos, talvez ela tenha previsto o futuro de sua obra ao dizer que passaria entre o
Sabia que hoje é Dia da Consciência Negra? ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Foi pensando nisso que decidimos enviar Olhos D'Água como livro do Kit de Novembro. E pensando na importância do lugar de fala, convidamos a @ametistapinho para elaborar os questionamentos enviados na ficha de leitura desse mês. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Foi muito especial pra gente fazer esse trabalho junto da Ametista e poder contribuir um pouco na conscientização da importância de se falar sobre o racismo, a inclusão do negro na sociedade e também de valorizar a cultura afro-brasileira. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Não vamos silenciar o que querem silenciar. Seremos resistentes juntos. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Obrigada, Ametista ❤ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ _____________ #clubentef #escritorabrasileira #autoranegra #escritoranegra #representatividadeimporta #livronacional #escritora #literaturabrasileira #livrodecontos #literaturanacional #consciencianegra #diadaconsciêncianegra #leiamulheres #clubedelivros #editorapallas #pallaseditora
📖 Um buraco com meu nome, da Jarid Arraes. ⠀ Postei um vídeo falando sobre o primeiro livro de poemas da @jaridarraes. Para assistir: https://youtu.be/gc-JUIGVTGc. Além da resenha, tá rolando o sorteio de um exemplar por lá 😉. - ⠀ "Seguro a mão de minha mãe Tentando ser mais ela Que preta Pele clandestina Recém-nascida Negra" (Pele clandestina - Jarid Arraes) ⠀ - ⠀ Em homenagem ao dia 20 de novembro, quando comemoramos o "Dia da Consciência Negra", em razão da data de morte de Zumbi dos Palmares, líder do quilombo que resistiu por anos e serve de força para nós até hoje, sortearemos um exemplar dessa obra tão intensa e necessária, também aqui no Instagram. ⠀ Para participar, você precisa: ⠀ - Seguir o @passosentrelinhas; - Seguir a @jaridarraes; - Ser inscritx no nosso canal PASSOS ENTRE LINHAS; - Marcar umx amigx pretx nessa publicação, declarando a sua admiração por elx; ⠀ Você pode participar até o dia 20/12/2018. O resultado do sorteio sairá até o final do dia 21 de dezembro de 2018. ⠀ Todas as regras serão conferidas, então, siga direitinho. Você pode comentar quantas vezes quiser, desde que marque umx amigx por comentário. Vamos espalhar inspiração e valorizar a autoestima dxs nossxs!!!! ✊🏽💜 Para comprovarmos a sua inscrição no canal, na primeira marcação que fizer, coloca seu nome de usuárix no YouTube 😉. Não serão consideradas marcações de pessoas que você não segue, lojas, perfis exclusivos para sorteio e fakes. Não serão, também, aceitas participações de "perfis de sorteios", já que a ideia é presentear alguém que interaja conosco. ⠀ Faremos o envio (somente para endereço nacional) em até 30 dias após o sorteio. Não nos responsabilizamos por extravios do Correios. ⠀ Boa sorte!!! E #leiarepresentatividade !!!!
"A verdade é que nenhum de nós pode ser livre até que todos sejam livres." (Maya Angelou). Essa modelo maravilhosa (@luly_potter) pode sorrir com tanto brilho e usar sombra colorida porque outras mulheres empoderaram-se e empoderaram-na.  Fotografia: @malugaldino_ Ao ver as fotos ainda sinto a emoção do dia. Você é a melhor!  #atéquetodossejamlivres #mayaangelou #autoriafeminina #escritoranegra #mulhernegra #mulheresnegras #beleza #maquiagem #produção #belezanegra #maquiagemcolorida #makeup #makeupcolor #fotografia #londrina #consciêncianegra #diadaconsciêncianegra #empoderamento #empoderese #empoderem
Carolina de Jesus é um dos nomes mais importantes e também mais esquecidos da literatura brasileira. Uma mulher negra, pobre, favelada que presenteou a nossa literatura com sentimentos, emoções e desejos que ela registrou em pedaços de papéis.  Em uma sociedade altamente desigual, e que deixa de lado os pobres, negros e indígenas, Carolina encontrou uma forma de luta para levantar a voz, a voz de uma mulher negra e forte: papel e caneta. Suas obras foram traduzidas para várias línguas, como o alemão, o espanhol e o francês.  Carolina Maria de Jesus, nasceu na cidade de Sacramento, Minas Gerais, em 14 de março de 1914, mas mudou-se para a cidade de São Paulo em 1947, mesmo período em que começavam a surgir as primeiras favelas na cidade. Viveu boa parte da sua vida na extinta favela do Canindé, zona norte da capital paulista, e mesmo com pouco estudo ela registrou o seu cotidiano e o da favela onde morava em cadernos que encontrava no material que recolhia nas ruas.  Ela escreveu livros e diários com relatos emocionantes sobre a desigualdade social e o preconceito racial: “eu digo que a favela é o despejo de uma cidade. Nós, os pobres, somos como madeira velha.” Frases como essa foram descobertas no final da década de 1950 pelo jornalista brasileiro Audálio Dantas.  Com seus discursos Carolina não agradou a elite política da época, então acabou caindo no esquecimento e viveu de forma muito humilde até os últimos momentos de sua vida.  #diadaconsciêncianegra #diadaconsciencianegra #consciêncianegra #consciencianegra #culturaafro #culturanegra #afrobrasil #empoderamentonegro #representatividade #orgulhonegro #20denovembro #20denovembrodiadaconsciêncianegra #vintedenovembro #pelenegra #pelepreta #negro #negros #negra #negras #afro #carolinamariadejesus #carolinadejesus #quartodedespejo #escritoranegra
No dia 19 de novembro de 1978 na livraria Teixeira em São Paulo teve o primeiro lançamento do livro Cadernos Negros, todo mundo já sabe da minha paixão e admiração por Cadernos Negros então não vou fazer um textão, mas vou lembrar de uma informação que é importantíssima, os volumes dos Cadernos Negros que tem disponível pra empréstimo na Biblioteca Pública do Estado da Bahia (Barris): . Contos Afro-Brasileiros Volume 16  Volume 22  Volume 30  Volume 38  Os melhores contos . . Poemas Afro-Brasileiros Volume 17  Volume 21  Volume 27  Volume 29  Volume 33  Os melhores poemas . . Essa imagem não foi eu que fiz, peguei do Calendário Negro, uma página no face que é administrado pela professora Zelinda Barros, super indico que vocês conheçam. Ahh todos os volumes listados já foram lidos e tem a resenha no blog ♥ . . #umaleitoranegra #literaturanegra #escritoranegra #escritornegro #cadernosnegros #poemasafrobrasileiros #poesianegra #literatura #literaturaengra  #quilombhoje #antologianegra #contosafrobrasileiros #contosnegros #igliterário #calendarionegro
Lélia Gonzalez, "cumé que a gente fica "? Queria eu estar presente nos locais em que discursava, para pegar essa força doce, como diz Joice Berth, essa doçura que emana de sua voz, de sua escrita e trajetória em meio a tanta luta. Cá pra nós! Te conhecer, faz a gente ir e somar com a criolada toda, sendo neguinha metida e metendo a voz em tudo, metendo o corpo e a alma na luta de combate ao racismo. Porque assim como você, não aceito mais o silenciamento. Então dado o decreto: a bagunça tá feita! 💚❤🖤 .  Repost do vídeo de Joice.  Postagem por: @kulwamene . #negra #leliagonzalez #escritoranegra
"Sabe de uma coisa? Descobri que meus olhos são parecidos com os seus, que não podiam ser mais bonitos, e que minha boca e meu nariz são normais. Não gosto que digam que os negros têm nariz achatado e beição. Se Deus existe, com certeza está furioso por ouvir tanta gente criticando sua obra" (Trecho do livro) . . Teresa Cárdenas já recebeu o Prêmio Casa das Américas em 2005 pelo livro Cachorro Velho, o Prêmio David pelo livro Cartas Para A Minha Mãe e o Prêmio Nacional da Crítica Literária pelo livro Cachorro Velho. Além de escritora é uma bailarina renomada, ativista social e exerce o ofício de contadora de histórias. Como livro infanto juvenil tem Cartas para a minha mãe e Cachorro velho, na literatura infantil traduzido pro português tem Contos De Olófi, ficamos aguardando até o dia que todos os livros forem traduzido e pudermos aproveitar ainda mais a escrita de Teresa Cárdenas. . 📚Resenha✏️ . 🌻Link na bio🌻 . . #umaleitoranegra #literaturanegra #literaturacubana #escritoranegra #literatura #escritora #cartasparaaminhamãe #teresacardenas #resenha
"Eles estão espalhados por todos os lugares e já cercaram o prédio onde nos refugiamos. Estávamos em festa ao som de uma vitrola portátil com alguns discos de vinil que havia encontrado em minha última busca por suprimentos. Lembro que minha mãe tinha um quando eu e meus irmãos mais velhos éramos pequenos.  Fazíamos a maior festa quando ela resolvia ouvir aquelas maravilhosas músicas dos anos 1980. Aquela senhora exigente e doce ao mesmo tempo faz muita falta. Ela foi uma mulher incrível e nos criou sozinha. Sinto um pouco de alívio por ela ter partido muito antes disso tudo começar. Pelo menos não teve que lutar contra um ente querido para sobreviver.  Infelizmente precisei dar cabo de minha irmã mais velha, a Vivi. Ela era uma mulher linda e muito inteligente, porém não teve muita sorte no começo da epidemia." Trecho do conto de terror "A Base", de Thais de Paula - Bernarda Coletiva.  #mulheresqueescrevem #leiamulheres #escritoranegra #gothpoem #gothlife #zine #poema #gotico #escritorxs #literaturabrasileira #bernardacoletiva #govegan #ghoul #georgeromero #literaturamarginal #instapoema #instatrechos #literaturafantastica #livros #abase #zumbi #contodeterror
Uma das maiores felicidades que esse projeto tem me proporcionado são os encontros que tem acontecido, desse em especial teve como resultado muitos livros, muitas idéias e uma boa conversa ♥ Apresento a vocês as próximas leituras 😍 . . . #umaleitoranegra #literaturanegra #literatura #instaliterário #igliterário #escritornegro #escritoranegra #teresacárdenas #cartasparaaminhamae #enegrescência #zanga #davinunes #vâniamelo #sobreobrevevoodaborboletaesuasesquinas #escritoresbaianos #escritoracubana
Solaine Chioro participou do Asian Lit Bingo (bingo de literatura asiática) e como gostou da experiência que teve decidiu fazer uma adaptação para a literatura negra e em especial para o mês novembro negro ficou tão maravilhoso que e eu não poderia deixar de divulgar #bingolitnegra . . Solaine Chioro é da baixada santista, mora em São Paulo e se formou em Letras – Português/Latim pela Faculdade de Ciências e Letras de Araraquara (UNESP). Além de escritora, atua como revisora freelancer. Seu primeiro trabalho, a novela A rosa de Isabela, foi publicado na Amazon de forma independente, assim como sua coletânea de contos de natal Sonhos que ganhei . . #umaleitoranegra #literaturanegra #novembronegro2018 #igliterário #instaliterário #bingolitnegra #escritoranegra #escritornegro #novembronegro #repost @solainechioro • • • • • Você já conhece o #bingolitnegra? Dá uma olhada no link na bio para saber mais sobre esse divertido projeto de leitura para o mês de novembro! ✊🏽📚
Do quilombo de Palmares, Dandara era parceira do guerreiro Zumbi, com quem teve três filhos. Há poucos dados sobre sua vida, e por isso sai história é cercada de controvérsias. Diz-se que Dandara lutava capoeira e combatia nos diversos ataques a Palmares no século XVII, em Alagoas. Não há confirmação histórica se ela nasceu no Brasil ou na África, mas Dandara sempre lutou contra a escravidão e participou ativamente da resistência do quilombo. Em 1678, Ganga Zumba, líder de Palmares e tio de Zumbi, teria assinado um tratado com o governo de Pernambuco que previa a libertação de prisioneiros palmarinos e a permissão para realizar comércio, em troca da entrega de escravos fugitivos em busca de abrigo. Dandara e Zumbi se opuseram ao pacto, sendo que Zumbi assumiu a liderança após a morte de seu tio. Dandara suicidou-se em 1694, jogando-se de uma pedreira para morrer em liberdade e não na condição de escrava. (Heroínas negras brasileiras em 15 cordéis - Jarid Arraes) . . Nesse novembro negro relembro a heroína Dandara e também chamo a atenção para as Dandaras do nosso tempo. A pouca visibilidade dada a mulher negra sempre me inquietou, por isso aqui no projeto Uma Leitora Negra procuro ao máximo dar visibilidade e reconhecimento as Dandaras escritoras. Não faço esse caminho sozinha, existem muitos outros grupo e projetos que também falam sobre escritoras negras, isso só demonstra que temos muitas Dandaras trabalhando para o fortalecimento das outras inúmeras Dandaras ♥ . . Faço essa publicação logo no iniciozinho do mês para que você reflita e reconheça as Dandaras que estão ao seu redor, além de contribuir para o continuo processo de visibilidade das Dandaras . . Essa já é a segunda vez que utilizo como referencial o livro Heroínas Negras Brasileiras de Jarid Arraes, pra mim esse livro é realmente o meu referencial teórico, a primeira vez que usei foi para falar sobre Maria Felipa no 2 de Julho . . ✊🏾Novembro
Daqui a pouco em Campina Grande, Paraíba. É literatura e teatro com transversalidade em geografia a minha caminhada por esse país. Aí o Sr. no avião me perguntou: Você é do samba? Passista? Pra ele não respondi. Mas sim. Meus passos são muitos por esse mundão. Vem de longe! #viajante#escritoranegra#literaturabrasileira#outrasnarrativas#cristianesobralartista#campinagrande#ufpb#asasdaleitura#paraiba#letrasportugues
“Entre pestañas”  Zozobra,  Onomatopeyas del silencio y al fondo de la oscuridad se escucha: -¿De qué sirven las palabras ahora? -¡Estamos vacías! -Razones de su existencia, ¿dónde están? -Aquí, allá, EN TODAS LAS PARTES. -Ustedes son sonidos. -Somos tus pensamientos. -Solo me adulan, no me escuchan. -¿Qué es adular? -Ustedes son las dueñas de todos los significados. -No, ojos parejos simples. -¿Qué? -Ramificaciones insolencia tácito. -No tiene sentido. -Entre pestañas lavas la ropa. -… -Los pensamientos, las palabras, tu mente. Tú eres quien nos da el significado. -¿Entonces? -Cualquier palabra es igual a cualquier significado y el orden es imitado, lo aprendes o lo desaprendes. -¡Son unas maníacas! -¡Improperios! No eres justa con lo que nos dices, tú nos diste voz. -¿Qué son las palabras? ¿De qué sirven? -… -¿No hay respuesta? -No nos estás escuchando.  FIN  #zipolite #poema #poesia #palabras #puertoescondido #oaxaca #mexico #sunrise #amanecer #amor #nudismo #shambalazipolite #mar #arena #sol #tranquilidad #escritora #escritoranegra #nude #libertad
Hoje é Dia do Livro, data em homenagem a Biblioteca Nacional - RJ, primeira biblioteca do Brasil. Conheça 15 escritoras e escritores negros que também devem ser referências históricas na academia brasileira. Leia a notícia: http://www.ceert.org.br/noticias/historia-cultura-arte/23205/15-escritoras-e-escritores-negros-que-deveriam-ser-estudados-nas-escolas  #ceert #diadolivro #literaturanegra #escritornegro #escritoranegra #representatividade #educacao #faculdade #bibliotecanacional #historiadobrasil #culturanegra
Conhecida mundialmente, esta nigeriana vem atraindo cada vez mais leitores a literatura africana. Empoderada sim ou claro? 💁🏾‍♀️✨✨💞 #oexodo_oficial #jornalismoporamor  #escritoranegra
Hoje comemora-se o dia nacional do livro. Este dia surgiu em homenagem à fundação da Biblioteca Nacional do Livro, em 1810, pela Coroa Portuguesa. Na época, D. João VI trouxe para o Brasil milhares de peças da Real Biblioteca Portuguesa, formando o princípio da Biblioteca Nacional do Brasil, fundada em 29 de outubro de 1810 . . Esses são os livros de literatura negra que tenho, não são muitos, mas isso não me preocupa, com este projeto pretendo também mostrar que podemos adorar ler mesmo sem ter aquela estante lotada, nada contra quem tem estante lotada, mas nós podemos pegar nas bibliotecas públicas, por isso vivo falando do meu vínculo com a Biblioteca Pública do Estado da Bahia, também disponibilizo os livros em pdf e inclusive consegui mais livros que irei colocar no blog, contudo quero nesse dia pedir que se você tiver condições de comprar os livros que faça isso sem titubear, compre e se presentei, além de presentear outras pessoas também . Pele negra, máscaras brancas- Frantz Fanon Negros contra a ordem- Wilson Roberto Mattos Helena- Machado de Assis Heroínas negras brasileiras em 15 cordéis- Jarid Arraes Casa de Alvenaria- Carolina Maria de Jesus Calu - Cássia Valle Namíbia, Não! - Aldri Anunciação Becos da memória- Conceição Evaristo (este não saiu na foto) . . #umaleitoranegra #igliterário #literaturanegra #escritoranegra #escritornegro #literatura #leitura #dianacionaldolivro #livro
A gente tá falando das noções de consciência e de memória. Como consciência a gente entende o lugar do desconhecimento, do encobrimento, da alienação, do esquecimento e até do saber. É por aí que o discurso ideológico se faz presente. Já a memória, a gente considera como o não-saber que conhece, esse lugar de inscrições que restituem uma história que não foi escrita, o lugar da emergência da verdade, dessa verdade que se estrutura como ficção. Consciência exclui o que memória inclui. Daí, na medida em que é o lugar da rejeição, consciência se expressa como discurso dominante (ou efeitos desse discurso) numa dada cultura, ocultando memória, mediante a imposição do que ela, consciência, afirma como a verdade. Mas a memória tem suas astúcias, seu jogo de cintura; por isso, ela fala através das mancadas do discurso da consciência. O que a gente vai tentar é sacar esse jogo aí, das duas, também chamado de dialética. E, no que se refere à gente, à crioulada, a gente saca que a consciência faz tudo pra nossa história ser esquecida, tirada de cena (Racismo e Sexismo na Cultura Brasileira - Lélia Gonzalez) . Conceição Evaristo escreve sobre memórias e são essas memórias que acredito que descoloniza a mente do povo preto, que faz tomar a atitude de fugir da senzala e se aquilombar. Ao ler Lélia Gonzalez pude reconhecer ainda mais a importância de estarmos falando sobre essas memórias, que o meu trabalho aqui seja para despertar as suas memórias e assim realizarmos o combinado de não morrer, de lutarmos por nosso povo.  Essa eleição me fez ter a certeza de que ainda temos muito a fazer, precisamos continuar no processo de descolonização tanto os negros quanto os não negros . #umaleitoranegra #literaturanegra #literatura #escritoranegra #igliterário #conceiçãoevaristo #leliagonzales #aquilombamento #resistência #descolonização #seremosresistência #olhosdagua #leliagonzalez #racismoesexismonaculturabrasileira
Surpresaaaaa boa! . Camis voltouuuuuuu ❤️ ❤️ ❤️ ❤️ . Corram para o #wattpad e add já #infernal - #alma #em #chamas nas vossas #bibliotecas. Está espectacularl 👌 . #sinopse .  Camilo tinha vivido uma vida inteiramente Glacial até ter conhecido a mulher que o desarmou num único Golpe, que não só o faria derreter e se abrir novamente para o mundo sem precisar vestir máscaras, como lhe daria o maior presente que alguma vez esperou ter: Sua filha Hope. Porém, a curta história de amor terminou numa tragédia, o deixando viúvo e pronto para enfrentar a nova realidade de um mundo sem a sua amada Valquíria. Seus olhos, outrora duas constelações de gelo, se transformaram em esferas de sol incandescentes, pois tinha feito uma promessa de nunca mais se permitir esfriar.  Ele estava vivendo. Vivendo intensamente. Mas, precisamos falar mais uma vez sobre Camilo. Porque ele é daqueles que causa furor por onde passa, sua voz eloquente aquecia demasiados corações, mas seus olhos ardentes só tinham atenção para aquela pequena garotinha de olhos verdes que sorria sem os dentes da frente e lhe chamava de papai. Havia uma verdadeira alegria nele, nos seus sorrisos contagiantes e na sua dança em festinhas de verão, carregando sua filha como o combustível que inflamava seu corpo perpetuando o seu amor incondicional. Mas, ainda havia um certo vazio que precisava ser preenchido, pois de muito pouco valia ter a Alma Em Chamas quando a sua cama ainda era fria. Para poder queimar por inteiro, Camilo precisava se entregar. Não adiantava renascer das cinzas de sua dor, voar pelos céus em asas de fogo sem nunca ter onde aterrissar. #amiideas #amietes #livro #romance #literature #escritoranegra #escritora
E você, já leu quantos livros dessa escritora maravilhosa? 😍 . #repost @umaleitoranegra (@get_repost) ・・・ Sinto uma imensa alegria ao ver a grandiosidade da nossa literatura negra brasileira, por saber que se depender de nós essa literatura não será esquecida e que Conceição Evaristo será sempre exaltada. Também fico feliz comigo mesma por já ter lido 3 destas 6 obras e ter conseguido escrever todas as resenhas. Eu li Olhos D'água em pdf para poder participar de um encontro literário especial com o Leia Mulheres e Lendo Mulheres Negras, isso foi em 2017, mês passado com a ajuda de uma amiga que pegou emprestado na biblioteca da UNEB (Campus I) li o livro Ponciá Vivêncio, essa leitura aumentou a minha vontade de ler tudo que Conceição Evaristo já tinha publicado, fui atrás do livro Becos da Memória e comprei na livraria LDM. Nem preciso indicar que vocês leiam Conceição Evaristo não é?! Vocês já sabem da importância dessa escritora nas nossas vidas, o que peço é que vocês divulgem, digam o que acharam da leitura, compartilhe nas redes socais, faça a nossa literatura negra circular . . . . #umaleitoranegra #literaturanegra #literaturafeminina #biblioteca #livraria #literatura #igliterário #conceiçãoevaristo #escritoranegra #escritora #olhosdagua #becosdamemoria #ponciávivêncio #protagonismonegro
Sinto uma imensa alegria ao ver a grandiosidade da nossa literatura negra brasileira, por saber que se depender de nós essa literatura não será esquecida e que Conceição Evaristo será sempre exaltada. Também fico feliz comigo mesma por já ter lido 3 destas 6 obras e ter conseguido escrever todas as resenhas. Eu li Olhos D'água em pdf para poder participar de um encontro literário especial com o Leia Mulheres e Lendo Mulheres Negras, isso foi em 2017, mês passado com a ajuda de uma amiga que pegou emprestado na biblioteca da UNEB (Campus I) li o livro Ponciá Vivêncio, essa leitura aumentou a minha vontade de ler tudo que Conceição Evaristo já tinha publicado, fui atrás do livro Becos da Memória e comprei na livraria LDM. Nem preciso indicar que vocês leiam Conceição Evaristo não é?! Vocês já sabem da importância dessa escritora nas nossas vidas, o que peço é que vocês divulgem, digam o que acharam da leitura, compartilhe nas redes socais, faça a nossa literatura negra circular . . . . #umaleitoranegra #literaturanegra #literaturafeminina #biblioteca #livraria #literatura #igliterário #conceiçãoevaristo #escritoranegra #escritora #olhosdagua #becosdamemoria #ponciávivêncio #protagonismonegro
Becos da memória é um dos mais importantes romances memorialistas da literatura contemporânea brasileira . Evaristo traduz, a partir de seus muitos personagens, a complexidade humana e os sentimentos profundos dos que enfrentam cotidianamente o desamparo, o preconceito, a fome e a miséria; dos que a cada dia têm a vida por um fio (Os editores - orelha do livro) . 📚Resenha✏️ . 🌻Link na bio🌻 . . . #umaleitoranegra #literaturanegra #escritoranegra #literatura #escritora #conceiçãoevaristo #literaturafeminina #protagonismonegro #resenha #igliterário #literaturanegrafeminina
#literaturaamericana  #escritoranegra
Quando a ida a exposição rende um livro com poema de Maya Angelou e ilustrações de Basquiat. Tô xonada! 😍😍🍀🍀
Empodere-se, mulheres! Nossa liberdade vale mais do que seguir padrões que nos dita o que é " certo". O legal é ser você mesma! 🌻🌻🌻🌻🌻🍃 . .  @diversificando_7 #empoderamento  #escritapoetica  #poema #poesia  #liberdade  #escritoranegra
Impossível não fazer esse registro. Quando vc encontra a pessoa que vc lê nos livros.  NILMA LINO GOMES Pedagoga,  Escritora,  Ex Ministra SEPPIR, Mulher Negra. #resistencia #mulhernegra #representatividade #escritoranegra #ocupandolugares #klebaoblackoficial #xcopene #congadouberlandia #copene
O que vocês fazem para tentar manter a própria paz em tempos difíceis? Eu leio, leio literatura negra, leio sobre nós ✊🏾 . . Eu comecei a ler Casa de Alvenaria em pdf, fiz até uma imagem com um trecho deste livro, mas não estava conseguindo dar prosseguimento a leitura, ainda no início do livro eu parei, comecei outros livros, já terminei esses livros e a leitura de Casa de Alvenaria ainda estava parada, então semana passada decidi voltar a ler Carolina Maria de Jesus, imprimi o livro, encadernei e agora sim eu termino mais uma leitura de Carolina, ainda mais agora nesse tempo de caos, irei ler para tentar manter o meu discernimento, para ouvir a voz do meu povo, terei ainda mais certeza de que estou do lado certo . . Tive que imprimir, pois não se encontra em livrarias esse livro, apenas o livro Quarto de Despejo e com muita dificuldade, só lembrando que tem o livro Quarto de Desejo na biblioteca Pública do Estado da Bahia . . #umaleitoranegra #igliterário #literaturanegra #literatura #escritoranegra #bibliotecapública #carolinamariadejesus #quartodedespejo #casadealvenaria #elenão #elenunca #elejamais #mulherescontraofacismo #mulherescontraocoiso
Maria Firmina dos Reis.  Reprodução colorida do retrato da escritora negra Maria Firmina dos Reis. É uma aquarela. Eu pensei em recriar a imagem dela com um fundo mais tranquilo e feliz, respeitando a memória de uma artista que sofreu muito com o racismo e venceu o preconceito, as dores e injustiças. Ela em vida sofreu, no entanto acredito que a alma dela esteja bem e em evolução .  Por isso pensei em um ambiente de paz, bonito. Ela era bastarda,com certeza filha de algum branco que não quis assumir. Pesquisei imagens e um pouco sobre ela e refiz o retrato.  #watercolor #negra #escritoranegra #artistanegra #racismo #colorismo #mariafirminadosreis #romancista #contista #machadodeassis #watercolorpainting #aquarela #watercolor #aquarela #stars #watercolorflorals #blackwoman #black #beautiful #woman #women #blackpeople #afroart #virtualgallery #art #galeria #afroart #blackpeople #blackwoman #beautiful #racism #writer #blackwomanwriter #blackwomanartists #resistência #fineart
*Bondade não dá ibope* - Fazem acreditar que vivemos tempos de horror. Que o ódio venceu o Amor. Que o medo domina o cidadão. Fazem acreditar que o Brasil anda  dividido. Que o respeito encontra-se perdido. Que ninguém mais estende  as mãos para ajudar o irmão. Querem que acreditemos que o fascismo prevaleceu. Queimando  a nossa  história, matando quem nos defendeu, prendendo até aquele que a Pernambuco engrandeceu. E antes que me critiquem já vou logo informar, não  venho aqui tomar  partido mas  desejo ao meu  amigo falar que, antes de cair no conto  da carochinha é bom se questionar. Pois basta os  olhos  abrir e enxergar além da escuridão e, em  cada esquina a de ver um gesto de compaixão.  É um  amigo que ajuda  outro amigo seu  barraco levantar. É a sopa e o pão que se pode doar. É um Boa noite a um desconhecido, o sorriso jogado no ar, o abraço bem apertado, a lágrima  Que se  pode enxugar. É o menino carente  Que ganha  presente. É  o livro que se lê pra  alguém. É o beijo  permitido. É a gratidão por tudo que se tem. É o crente que cumprimenta o umbandista pois  vê nele seu semelhante. É a fé que é proferida sem ser intolerante.  E se você ainda  duvida basta  só observar que quando uma catástrofe acontece todo mundo  vai logo se  juntar pois o único objetivo  é o outro ajudar. Eu poderia ficar aqui  falando, lhe citando vários exemplos  mas por enquanto vou me calar e  confiar no seu questionamento. Pois o Brasil não é,  de  todo, esse  caos que é publicado.  Só que a bondade não  dá ibope e raramente é divulgado que o Amor prevalece sim, neste Brasil abençoado. (Gerlane Melo) . . . . #autoral #poesiaautoral #poesiamarginal #poemamarginal #literaturamarginal  #sentimentalismomarginal #textoautoral #escritoranegra #pensamentos #prarefletir  #amorsim #elenao #poemas #desistirnunca  #respeitosempre #amor
Oferendas  Não foi do nada que me vieram o coração repleto de ternura e a alma transparente. O aço (que me protege) e a fé (que me move) também não vieram do nada, nem de nenhuma fada azul/alva, para impulsionar o tempero dos passos, a fortaleza das palavras, a ousadia dos saltos e tudo que me planta e, ao mesmo tempo, frutifica. Eu vos devo o coração bonito no equilíbrio do corpo e da alma. A vós consagro este eterno nascimento do bom e do bem. Para meu pai Benedito e minha mãe Sbastiana que hoje, noutra lavoura, plantam sementes do belo. Para os irmãos Joãozinho, Iraci, Arminda, Ofereço a dança das palavras para compensar o colo o pão doce e a água me servida, tantas vezes, nas mãos em concha. Para a irmã Cema, Minha bússola, Meu parâmetro, Minha noção exata das respostas Vindas da boca do silêncio. (Geni Guimarães) . 📚Resenha✏ .️ 🌻Link na bio🌻 . . . #umaleitoranegra #literaturanegra #escritoranegra #geniguimarães #literatura #contos #leitedopeito #resenha #biblioteca #uneb #igliterário #literaturanegrafeminina
"Quanto à parecença de Maria-Nova, comigo, no tempo do meu eu-menina, deixo a charada para quem nos ler resolver. Insinuo, apenas, que a literatura marcada por uma escrevivência pode con(fundir) a identidade da personagem narradora com a identidade da autora. Esta con(fusão) não me constrange" (Da construção de becos - Conceição Evaristo) . 📚Trecho de livro📖 . . . #umaleitoranegra #literatuta #literaturanegra #conceiçãoevaristo #escritoranegra #representatividade #becosdamemória #memórias #trechodelivro #igliterário
Exposição “Personalidades Brasileiras Negras”, na Escola Municipal Laurindo Sobreira do Amaral, em Goiânia. Carolina de Jesus, escritora, por Maria de Fátima, aluna do sétimo ano. #personalidadesbrasileirasnegras #personalidadesbrasileiras #consciencianegra #carolinadejesusescritora #sacramento1917 #escritoranegra #artistasnegros #contraoracismo #contraamisoginia #contraahomofobia #artenaescolapublica #exposicaonaescola #laurindosobreiradoamaral
Ao escrever suas memórias, Conceição Evaristo reativa as memórias de quem está lendo. Ainda não terminei a leitura, mas cada história presente no livro tem despertado diversas memórias pessoais, nesse trecho em específico lembrei de quando era guria, a pequena Lais, aquela menina que queria tanto falar, mas sempre ficava calada, muito calada mesmo, ao contrário da sua mente que estava cheia de inquietações, questionamentos, descobertas, queria externalizar tudo isso. Mas como poderia falar??? Inicialmente numa sala predominantemente de alunos brancos e professores que não tinha como proposta levantar o debate racial, depois em uma escola pública onde teve apenas uma professora negra, mas majoritariamente com alunos negros, até que se sentia um pouco a vontade e assim tentava falar, mas as inúmeras formas de silenciamento para com uma mulher negra sempre estiveram presente criando microagressões, então começou as falas "Você vê racismo em tudo" "Você tem mania de perseguição" e aquela vontade de falar foi diminuindo até quase sumir, só que dessa vez não adiantou porque a Lais 'grande' já sabe que não está só, e isso a fortalece para que essa fala não desapareça completamente. Conceição Evaristo me fez lembrar que aquela pequena continua aqui, porém hoje ela fala, não aceita ficar calada, hoje ela sabe que fala não apenas por ela, mas por muitas, principalmente pelas que ainda se sentem só e estão silenciadas. Sendo assim, seguiremos falando até que todas possam falar . 📚Trecho de livro📖 . . . #umaleitoranegra #literatuta #literaturanegra #conceiçãoevaristo #escritoranegra #representatividade #feminismonegro #becosdamemória #memórias #trechodelivro #igliterário
"Novamente entrego Becos da memória, agora em sua terceira edição, ao público leitor. É um especial momento. Nessa entrega, um pouco das memórias da construção de Becos são ativadas. Como já disse em outras ocasiões, esta narrativa nasceu em 1987/88, sendo, pois, anterior à escrita dos contos e do romance Ponciá Vivêncio. Foi o meu primeiro experimento em construir um texto ficcional con(fundindo) escrita e vida, ou, melhor dizendo, escrita e vivência [...] . A publicação de Becos da memória, por vários motivos, aconteceu depois de ter vindo a público o romance Ponciá Vivêncio. Creio mesmo que a aceitação do primeiro romance publicado me deu segurança para desengavetar Becos [...] . Se a publicação de Becos da memória levou vinte anos para acontecer, o processo de escrita do livro foi rápido, muito rápido. Em poucos meses, minha memória ficcionalizou lembranças e esquecimentos de experiências que minha família e eu tínhamos vivido, um dia [...] . Nesse sentido venho afirmando: nada que está narrado em Becos da memória é verdade, nada que está narrado em Becos da memória é mentira" (Da construção de Becos - Conceição Evaristo) . . . #umaleitoranegra #literaturanegra #literatura #escritoranegra #escritora #memóriasnegras #literaturafeminina #protagonismonegro #conceiçãoevaristo #becosdamemória #escrevivência #igliterário
Quem acompanha os stories viu que falei sobre o clipe Pra que me chamas? da cantora @xeniafranca de lá pra cá as imagens que mais me chamaram a atenção não saem da minha mente, o clipe todo é de uma lindeza tamanha, mas ter visto várias referências literárias foi pra mim a melhor parte do clipe, me surpreendeu e encantou muito . A sequência desse momento começa com mulheres e homens negros juntos abrindo os livros, em seguida aparecem os livros seja sendo o único destaque ou como plano principal e outro em plano de fundo, uma referência dentro da referência que achei bem bonito foi sobre o livro de Lázaro Ramos ter aparecido com uma das mulheres colocando de forma que completasse o seu próprio rosto . Os livros que aparecem são: Cartas da prisão de Nelson Mandela; Um defeito de cor de Ana Maria Gonçalves; Quem tem medo do feminismo negro? de @djamilaribeiro1 e Na minha pele de @olazaroramos . Assim como a literatura a música além de ser arte é um espaço de luta e quando as artistas que temos como referência sabem disso e fazem seus trabalhos em cima disso nós precisamos apoiar e fazer ecoar as suas palavras, sons, arte e luta. Sendo assim, super indico que vejam o clipe e sejam impactados, também anotem todas as referências literárias e tenham uma ótima leitura . Ahhh não poderia deixar de comentar que Xênia França é Baiana, essa minha terra me enche de orgulho ♥ . . . #umaleitoranegra #igliterário #literaturanegra #escritornegro #escritoranegra #cantoranegra #músicanegra #mulhernegra #literatura #umdefeitodecor #naminhapele #cartasdaprisão  #quemtemmedodofeminismonegro #feminismonegro #referêncialiterária #referêncianegra #xeniafrança
As pretas tem pra trocar, tem pra dar e receber, tem para amar e serem amadas, tem para ensinar e aprender... Mulheres pretas são aldeias de união, revolução, acolhimento e fortalecimento, são com elas que nasci, cresci e venho aprendendo a ser mais forte e humana.  Caramba, não fazem ideia da diferença que é olhar para todos os lados e só ver mulheres pretas fantásticas ao seu redor, é assim que eu me sinto no @afrolatinas, vem logo 2019! Foto da premiação do #slamdasminas #latinidades  2015, com as participantes, as juradas, as organizadoras e parte da equipe fantástica.  Ganhei um CD da @thabata.lorena e um livro da Carolina Maria de Jesus, prêmios que guardo até hoje e que significam muito para mim. A poesia é uma válvula de escape e um refúgio 🖤 • • #fotografosnegros #levantaeanda #escritoranegra #mulhernegra #blackwoman #afrofuturista #believe #escritora #poesia #guerreira #shine #picoftheday #naodesista #determinação #respira #inspira #naopira #bsb
A alegria de quem teve coragem de expor em público suas poesias pela primeira vez e ficou em terceiro lugar no Slam das Minas no @afrolatinas 2015. Esse foi um ano bem louco, de reencontro comigo mesma, de separações doloridas, de provar que sou boa na produção, de fazer sonhos de outros acontecerem, mas de esquecer dos meus próprios sonhos. É, de lá pra cá muitas águas rolaram, altos e baixos, risos e choros. Não é fácil, nunca será, principalmente para uma mulher negra, mas aprendi que se deixar abater é um erro que eu não posso mais cometer. Hoje tô chorando, hoje tô arrasada, mas decidi postar essa foto para me lembrar do poder que minhas palavras têm, mesmo quando nem eu mesma acreditar nisso. Algumas quedas em algumas batalhas não vão me fazer desistir de vencer essa guerra!  Me permito chorar por hoje, mas amanhã já é outro dia, levantarei e seguirei em frente... ESSA LUZ, DEIXA BRILHAR! • • • #fotografosnegros #levantaeanda #escritoranegra #mulhernegra #blackwoman #afrofuturista #believe #escritora #poesia #slamdasminas #afrolatina #latinidades #guerreira #shine #picoftheday #naodesista #determinação #respira #inspira #naopira
#elenÃo pela poeta baiana Júlia Suzarte - 👑@julia_poeta #escritoranegra #poetanegra #escritorasnegrasdabahia #feiradesantana
💜 - Gratidão, bate no peito Afaga o corpo cansado Da luta diária. Faz lembrar da força Que existe escondida Na alma. Faz lembrar Que a caminhada É longa Mas que não estou Desamparada. Gratidão, bate no peito E, mesmo em lágrimas,  Eu agradeço Pois a Dor Me ensina A (Re)Nascer. (Gerlane Melo) . . . . . . #poemas #poesia #autoral #poemaautoral #poemasautorais #poesiaautoral #versos #escritoranegra #sentimentalismomarginal #gratidao #renascer #confiança #fé #florescer #recomeçar #soporhoje #sougrato #coragem #agradecersempre
dos anais da psiquiatria,  maus agouros nos auspícios dos hospícios auscultando os suplícios diastosísclicos taquicardíacos nos peitos olorosos nos plexos bolorentos o complexo psiquiadentro vai temço y nada holístico fragmentar corpo em pedacílios CÍDicos ou cistos nas púpilas das "as normalias" y suas pestanas pegajosas ou um cisco no ferrolho do seu cu lto acerebral: lobotominha rima com monogaminha, mas mesmo assim so l num faz ser/tão . . 📚Resenha✏ .️ 🌻Link na bio🌻 . Foto: Adriele Regine 😍 . . . #umaleitoranegra #literatura #literaturanegra #poemas  #poesianegra #resenha #escritoranegra #lundu #tatiananascimento #padêeditorial #linguagem #igliterário #literaturanegrafeminina
O #tbt de hoje vai para para o dia que @conceicaoevaristooficial elogiou minha forma de escrever, talvez ela não se lembre, mas essas palavras eu guardarei para sempre em meu coração! Foi a primeira vez que tive coragem de apresentar minhas poesias ao público e de quebra uma das maiores escritoras brasileiras falou que eu escrevia bem e não devia parar nunca, nos abraçamos e eu chorei de emoção! Por estar em uma cidade onde ninguém me conhecia resolvi me arriscar, com um júri de peso, com nomes como @estreladalva  e concorrentes experientes, consegui ficar em terceiro lugar no @slam.dasminas no Latinidades 2015. Uma conquista que representa muito para mim, até hoje. Inclusive porque, depois disso não tive coragem de expor minhas poesias ao público novamente... São essas e outras coisas que o @afrolatinas me inspira a ser, fazer e acontecer! • • • #escritoranegra #poetisa #poesia #slamdasminas #latinidades #mulhernegra #afrolatina #escritora #representatividade #afrofuturista #coragem #arriscar #forca #df #bsb #saudade
Carolina Maria de Jesus é uma das minhas inspirações, ela me dá forças pra seguir em frente e não desistir. Desde q ouvi falar dela queria muito ler esse livro, tinha me organizado pra comprar e tudo, mas arrumando uns livros aqui em casa achei ele no meio bem esquecido, fiquei muito feliz e acho q foi o destino. Pra todo canto q saio eu levo ele, é meio q uma bíblia hahahah e faço questão de falar dele pra todo mundo, o Brasil precisa ler mais Carolina de Jesus!!! (Foto bem conceitual hahaha) . . . #carolinamariadejesus #quartodedespejo #diariodeumafavelada #mulherpretaescritora  #mulhernegralatinoamaricana #periferia #favela #pobreza #fome #solidaodamulhernegra #empoderamento #feminismo #feminismonegro #feminism #blackfeminism #feminist #mulhernegra #women #mulher #negra #preta #escritoranegra
“Tenho fascínio pela forma como a vida acontece, a dança envolve e como filmes mudos transmitem tantas mensagens. Gosto de ver o processo, de ser parte dele e estar integrada a tudo. Não consigo avistar uma porta e não ter a vontade de cruzá-la, não ter curiosidade e procurar entender o que se passa por detrás dela, ir além do portal. Não entro em uma vida sem pensar em conhecê-la a fundo. Sou entrega, sempre fui. E também sou verdade, empatia, sintonia, ombro para os domingos chuvosos, afago para os momentos difíceis. Sou àquilo que muitos evitam por não ter coragem de encarar. O que é real afasta e o que não é raso, assusta. Os limites impostos são ultrapassados já que aprendi a discernir para descomplicar e se você não me vê, meu amor, dê meia volta” ⠀ ⠀ >
*Dá Utilidade dos Seres* - Seres humanos são descartáveis e descartados. Computadores são amados. Animais são descartados e descartáveis. O sofá é amado. Crianças são jogadas nas ruas. As televisões são mantidas em casa. O Verde é aterrado. O edifício, desejado. O livro é queimado. Ah, mas foi "salvo" no smartphone. O sorriso ficou enferrujado. Mas o  fast food ainda faz o dia feliz. O Amor... O Amor, esse foi sepultado. E, em cada esquina abre-se uma farmácia. (Gerlane Melo) . . . . #poesiaautoral #escritoranegra #sentimentalismomarginal #poesiamarginal #frases #textoautoral #pensamentos #criticasocial #reflexão #textos #prarefletir #consumismo #capitalismo #materialismo #desamor #sentimento
“Cadernos Negros produz e logo existe. É uma série que desmistifica a imagem do afro-brasileiro dependente da mão do outro para escrever a sua própria história. Navegando esses sentimentos íntimos, essas vozes de resgate e de valorização situam o afro-brasileiro no plano humano ao correr de vinte e dois anos . Por mais que o discurso dominante continue a negar os valores, a indenidade individual e cultural de um povo, o impulso regenerativo que percorre estes contos, pelo seu humor, seu lirismo, suas verdades, seu simbolismo, enfim, sua dramaticidade, é um convite a todos: um mundo em que nos lemos, nos ouvimos, nos sentimos e nos descobrimos . Nestes diálogos com nós mesmos e com os outros reside a nossa memória, o espírito revitalizador da nossa existência e a nossa confiança no futuro . Ler os Cadernos é participar do batuque dos guerreiros modernos.” (Niyi Afolabi - Orelha do livro) . 📚Resenha✏️ . 🌻Link na bio🌻 . . #umaleitoranegra #literaturanegra #escritoranegra #escritornegro #cadernosnegros #contosafrobrasileiros #contonegro #literatura #resenha #igliterário
#mulherespoetisas #repost @museuafrobrasil with @get_repost ・・・ Hoje celebramos o nascimento de Auta de Souza (1876-1901), poetisa brasileira da segunda geração romântica e autora do clássico “Horto”, publicado pela primeira vez em junho de 1900. Considerada por Luís Câmara Cascudo como a “maior poetisa mística do Brasil”, Auta de Souza, natural de Natal, no Rio Grande do Norte, colaborou com suas poesias para diversos jornais e revistas de sua época, tais como, por exemplo, os periódicos “A República”, “O Paiz” e “A Tribuna”.⠀ ⠀ Há no Museu Afro Brasil um raro exemplar da segunda edição do livro “Horto”, publicada em Paris, em 1910, pela Tipografia Aillaud, Alves e Cia. e ilustrações de D. O. Widhopff, além de uma linda homenagem à escritora no painel da nossa Biblioteca Carolina Maria de Jesus.⠀ ⠀ Venha ver de perto. Visite-nos!⠀ ⠀ ⠀ ⠀ ⠀ Fotos: Nabor Jr.⠀ ⠀ ⠀ #mab #museuafrobrasil #culturabrasileira#arte #culturasp #museu #saopaulo #sp#ibirapuera #parqueibirapuera #brasil #livro #autadesouza #horto #escritora #escritoranegra #literatura #bibliotecamab #mab13anos⠀ ⠀
Hoje celebramos o nascimento de Auta de Souza (1876-1901), poetisa brasileira da segunda geração romântica e autora do clássico “Horto”, publicado pela primeira vez em junho de 1900. Considerada por Luís Câmara Cascudo como a “maior poetisa mística do Brasil”, Auta de Souza, natural de Natal, no Rio Grande do Norte, colaborou com suas poesias para diversos jornais e revistas de sua época, tais como, por exemplo, os periódicos “A República”, “O Paiz” e “A Tribuna”.⠀ ⠀ Há no Museu Afro Brasil um raro exemplar da segunda edição do livro “Horto”, publicada em Paris, em 1910, pela Tipografia Aillaud, Alves e Cia. e ilustrações de D. O. Widhopff, além de uma linda homenagem à escritora no painel da nossa Biblioteca Carolina Maria de Jesus.⠀ ⠀ Venha ver de perto. Visite-nos!⠀ ⠀ ⠀ ⠀ ⠀ Fotos: Nabor Jr.⠀ ⠀ ⠀ #mab #museuafrobrasil #culturabrasileira#arte #culturasp #museu #saopaulo #sp#ibirapuera #parqueibirapuera #brasil #livro #autadesouza #horto #escritora #escritoranegra #literatura #bibliotecamab #mab13anos⠀ ⠀
#repost @akinskinte Os Cadernos Negros tem 40 volumes, na Biblioteca Pública do Estado da Bahia tem 11 destes volumes disponíveis para empréstimo, já li todos os volumes e publiquei resenha de 10 deles, falta só uma resenha hehehe Desde que conheci essa antologia fiquei completamente encantada, não é à toa que fiz questão de priorizar as resenhas dos Cadernos Negros, é algo maravilhoso poder se encontrar em cada palavra seja nas poesias ou nos contos, enxergar a sua própria história e a do seu povo em cada escrita dos escritores e escritoras negras é uma experiência única e muito prazerosa, recomendo que vocês possam procurar, ler e desfrutar de todos os volumes e sempre que possível compartilhe sobre a antologia fortalecendo assim esse movimento negro literário. Vida longa aos Cadernos Negros! . . #umaleitoranegra #literaturanegra #quilombhoje #cadernosnergos #escritoranegra #escritornegro #poemasafrobrasileiros . • • • • • 40 anos de Cadernos Negros. Organizando meu maior tesouro. Esses livros me salvaram.... #cadernosnegros
“Com certeza, o grupo Quilombhoje, desde o seu surgimento, vem acumulando uma rica experiência não só de luta e de organização, mas sobretudo na abordagem poética da nossa realidade, com um engajamento profundo nas sendas da resistência e na perspectiva de um novo Brasil que não renegue suas origens, sua formação, sua africanidade . Ao completar vinte anos de arte pura e heroica resistência, os Cadernos Negros vão adquirindo sua maioridade política e cultural, e consolidando uma experiência inédita no seio da militância negra e anti-racista” (Benedito Cintra - Prefácio) . 📚Resenha✏️ . 🌻Link na bio🌻 . . #umaleitoranegra #literaturanegra #escritoranegra #escritornegro #cadernosnegros #poemasafrobrasileiros #poesianegra #literatura #resenha #quilombhoje #bibliotecapública #igliterário
"Vem meu preto, Pois em teus braços  Sou puro chamego Vem meu preto, Pois em teus braços Esqueço meu desassossego  Me enlaça com olhos famintos Me trança com pernas feito polvo Sou só dengo, um rosa flamingos Sou só delírio, incontável gozo Sua pele de faísca, me encosta e incendeia Só o seu olhar, as mais intensas reações em mim desencadeia..." • • Trecho da poesia Captura, de minha autoria, escrita em agosto de 2017 📸 @hencafil ❤️🖤❤️ #poesia #escritoranegra #model #blackmodel #photooftheday #picsay #picoftheday #orgasm #blackwoman #resignificar #representatividade #negritude #atitude #turbante #batomvermelho #escritora #feliz #bemresolvida #amorproprio
Em Salvador @Regrann from @umaleitoranegra -  Queria poder saber usar as palavras mais bonitas do dicionário para agradecer a @ryaneleao por toda sua obra e pelo encontro de ontem a tarde . Cada palavra, sorriso e choro ainda reverberam em mim, ecoam na minha mente produzindo profundas e latentes reflexões 🌻 . Fui pro @leiamulheres_ssa em busca da escritora negra que me ajudou com uma poesia a conseguir levantar de um momento muito difícil, lá no encontro pude perceber que não era a única, pois em cada depoimento de mulheres negras e não negras a sensação era a mesma, a sensação de que a poesia de Ryane Leão foi essencial para todas nós, para nos acalentar no período do caos e sorrir conosco nos momentos de felicidade . Eu agradeço por todos os seus momentos de fala e principalmente pelos momentos de escuta, por ter um diálogo sincero sobre colorismo; por saber viver, ouvir e conversar com a nossa ancestralidade; por produzir um debate sadio sobre saúde mental, depressão e suicídio; por não ter medo de compartilhar suas vivências e seus conhecimentos, seja como pró de confecção de lambe-lambe ou de inglês . Todas as leituras, encontro e  aprendizados de escritoras negras me fortalecem para permanecer em luta e além disso me fortalecem para permancer viva, ontem foi mais um dia para que essa fortificação acontecesse e eu estou imensamente grata por tudo 💛🌻 . Ryane Leão é Cuiabana, autora do livro Tudo Nela Brilha e Queima que está na 6° edição, é capricorniana lacradora e ontem confessou que sente vontade de morar aqui na Bahia. Você pode acompanhar essa escritora maravilhosa e seus escritos na página no facebook e aqui no insta @ondejazzmeucoracao . "Essa semana foi sim porrada mas serviu pra eu ver que tô cercada  de mulheres que são impérios é sério, em uma delas eu me enxerguei  a outra veio me dizer que tempo é rei eparrei e hoje dos abraços apertados de todas elas eu levo a certeza de que  eu sou e sempre
Queria poder saber usar as palavras mais bonitas do dicionário para agradecer a @ryaneleao por toda sua obra e pelo encontro de ontem a tarde . Cada palavra, sorriso e choro ainda reverberam em mim, ecoam na minha mente produzindo profundas e latentes reflexões 🌻 . Fui pro @leiamulheres_ssa em busca da escritora negra que me ajudou com uma poesia a conseguir levantar de um momento muito difícil, lá no encontro pude perceber que não era a única, pois em cada depoimento de mulheres negras e não negras a sensação era a mesma, a sensação de que a poesia de Ryane Leão foi essencial para todas nós, para nos acalentar no período do caos e sorrir conosco nos momentos de felicidade . Eu agradeço por todos os seus momentos de fala e principalmente pelos momentos de escuta, por ter um diálogo sincero sobre colorismo; por saber viver, ouvir e conversar com a nossa ancestralidade; por produzir um debate sadio sobre saúde mental, depressão e suicídio; por não ter medo de compartilhar suas vivências e seus conhecimentos, seja como pró de confecção de lambe-lambe ou de inglês . Todas as leituras, encontro e  aprendizados de escritoras negras me fortalecem para permanecer em luta e além disso me fortalecem para permancer viva, ontem foi mais um dia para que essa fortificação acontecesse e eu estou imensamente grata por tudo 💛🌻 . Ryane Leão é Cuiabana, autora do livro Tudo Nela Brilha e Queima que está na 6° edição, é capricorniana lacradora e ontem confessou que sente vontade de morar aqui na Bahia. Você pode acompanhar essa escritora maravilhosa e seus escritos na página no facebook e aqui no insta @ondejazzmeucoracao . "Essa semana foi sim porrada mas serviu pra eu ver que tô cercada  de mulheres que são impérios é sério, em uma delas eu me enxerguei  a outra veio me dizer que tempo é rei eparrei e hoje dos abraços apertados de todas elas eu levo a certeza de que  eu sou e sempre serei  poesia" . . . #umaleitoranegra
Acordei cedo pra avisar: SAIU TEXTO, VÁ LER NO BLOG!. #cronistadorolé #cronistadorole #sonhe #sonha #escritoranegra #escrevivência #subúrbio #escritudi
Espere o inesperado "Sou pássaro preto Estendo as minhas asas Coloco fogo na dor Espalho as cinzas negras pelo meu corpo Forjo uma pele nova a cada momento Jogo as cinzas ao vento E vôo Aguia negra A ressuscitar diante de qualquer tempestade Mais forte, mais célebre, mais viva Espere o inesperado.” Cristiane Sobral Só por hoje vou deixar o meu cabelo em paz, ed Teixeira, Brasília. #literatura#literaturanegra#artenegra#cristianesobralartista#cristianesobralescritora#escritoranegra#literaturabrasileira
Conto com os amigues nessa campanha, pois estou com outro livro no forno, então se você já tem meus livros, indique para um amigo, ou compre para dar de presente, pode ainda compartilhar em sua rede. Posso contar com vocês? #nóspornós #ubuntu #literaturanegrobrasileira #escritoranegra
👇🏿TEXTO  Não foi amor à primeira vista, foi depois de muita insistência. Primeiro me convidei a me olhar no espelho, achei a ideia ridícula, mas topei. Fui nua no primeiro encontro, tinha que ver todos os detalhes pra ver se essa relação podia dar certo. Olhei aqui, olhei ali, olhei lá, parecia que tava tudo errado. Não tenho o abdômen de fulana nem a bunda de cicrana, o meu cabelo disseram que parecia uma vassoura, e essas cicatrizes?Bertana não tem e todo mundo acha ela linda. Quer saber não tô gostando, então dei uma "desculpa" pra não pegar mal e me vesti. Passou alguns dias e eu não parava de me falar "você viu como você tá linda hoje"? É claro que eu não acreditei, eu só estava falando isso para eu aceitar a me amar, mas foi aí que eu pensei, eu posso ter razão. E lá fui eu de volta para o espelho, outra vez nua, mas dessa vez comecei fechando os olhos, lembrei da pessoa maravilhosa que eu era, lembrei de tanta coisa que eu acabei sorrindo e quando eu abri os olhos lá estava o sorriso mais lindo que eu já vi, uau, como não podia me apaixonar por mim mesma depois daquele sorrisão. Dali tudo passou a ser bonito, desde o meu bumbum pequeno até as cicatrizes no meu corpo, meu cabelo crespo, minha pele maravilhosa, a barriga que serve de travesseiro para os meus gatos, eu toda! Me apaixonei-me! ❤️ #amorproprio  #sempadrao #vida #pretalinda #meapaixonei #feministas #feminismo #feminismonegro #autoestima #autoconfiança #aprendendo #amo #ame #escritoranegra #livros #escritora #filhasdafrida @precisavaescrever #inspiracao

Loading